Barra - Centro Empresarial Le Monde
 
Botafogo (Humaitá)
 
EPAO - 3523 - Responsável Técnico -  Dr. WILLIAM FROSSARD CRO 11623.

Área de Atuação

Endodontia

O que é endodontia?

Popularmente, endodontia também é chamada de tratamento de canal.

    A endodontia é o ramo da Odontologia que trata das lesões e doenças da polpa (nervo) e da raiz do dente. Popularmente, endodontia também é chamada de tratamento de canal.    

É a especialidade que estuda e trata as enfermidades da polpa dentária, de todo o sistema de canais radiculares e dos tecidos periapicais.  

   O tratamento consiste na remoção da polpa dental, uma estrutura viva, que contém, entre outros elementos, nervos e vasos sanguíneos e substituição por material restaurador.

  De modo geral, o tratamento endodôntico é indicado devido às seguintes situações: Dentes vivos - quando a polpa vital se apresenta inflamada, com dor espontânea (pulpite) em decorrência de uma exposição profunda da dentina por cárie, fratura da coroa, retração gengival, etc.

Em alguns casos é preciso fazer o tratamento endodôntico por indicação protética (por exemplo, necessidade de excessivo desgaste da estrutura dentária, dentes inclinados etc.

  Dentes não vivos, quando a polpa perde a vitalidade (polpa necrosada) e compromete a estrutura que envolve a raiz, provocando inflamação da membrana periodontal e do osso de modo assintomático (granulomas e cistos).

  Em algumas situações é necessário realizar o retratamento endodôntico, quando o tratamento anterior não foi bem realizado por algum motivo (dificuldades anatômicas, raízes com curvaturas acentuadas, canais calcificados, etc. ou quando o dente não foi devidamente restaurado podendo ocorrer a recontaminação do canal pelas bactérias presentes na saliva.

   Atualmente, com técnicas modernas e instrumentais adequados, o tratamento de canal é feito na maioria das vezes em consulta única. Casos específicos (presença de pus, hemorragia persistente, retratamentos, etc.) podem necessitar de um maior número de atendimentos.